Lençóis Paulista, 09 de Fevereiro de 2023
Você esta em: Home / Notícias / Ave migratória é avistada no Lago da Prata
23/01/2023 10h33

Ave migratória é avistada no Lago da Prata

O Colhereiro-americano é nativo da América do Sul

Quem passeia pelo Parque do Povo, poderá se surpreender com o avistamento de um bando de aves rosadas, parecidas com os flamingos, mas que na verdade trata-se do Colhereiro, também chamado de Ajajá ou Colhereiro-americano (Platalea ajaja), nativo da América do Sul, sobretudo do Brasil.

"Desde quando voltei a caminhar, e muitas vezes, às margens do lago, reparei essa linda ave, mas, meu olhos não alcançavam com exatidão. Tentei tirar fotos com o celular, percebi que o bico era diferente. Foi quando liguei para o Helton Damascena, que de pronto disse o nome da linda ave. Depois, na sequência, depois de uma série de vaivéns, o Wagner Gonçalves conseguiu tirar fotos com equipamento profissional. Sempre gostei da natureza, no futuro, será importante transformar toda essa de mata ciliar do Córrego da Prata em um santuário ecológico que percorre vários bairros da cidade", disse o prefeito Anderson Prado.

Além de chamar a atenção pela beleza, a presença desta ave no Lago da Prata, também representa um bom bioindicador da qualidade da água, uma vez que essas aves são bem sensíveis e não toleram a poluição ou contaminação, explicou Helton Damascena, educador ambiental e interlocutor do município no Programa VerdeAzul.

Vivem em ambientes aquáticos em busca de alimentos com o bico em forma de colher, fazendo varreduras em águas rasas em busca de alimentos, desde peixes, pequenos anfíbios, insetos, camarões, moluscos e crustáceos. A cor rosada ou avermelhada das penas é devido à presença de carotenóides, pigmento contido em alguns desses alimentos que após a digestão acumulam-se nas penas e pernas, dando a coloração rosada.

A reprodução é bem peculiar, o que inclui batimento de bicos e oferta de pequenos galhos entre o casal. Os ninhos são formados em árvores e a fêmea bota de dois a três ovos que são incubados em cerca de 20 dias, os filhotes deixam o ninho em 6 semanas e atingem a maturidade aos três anos de idade. O colhereiro pode medir até 86,5 centímetros e pesar até 1,4 kg, sendo que não há distinção entre machos e fêmeas, também é uma ave gregária (que vive aos bandos) e realizada migrações sazonais, portanto, não é sempre que poderá ser avistada em nosso Lago da Prata, acreditamos que o rebaixamento do lago, possa ter atraído as aves.

Lençóis Paulista está localizada em uma área de transição entre os biomas da mata atlântica e do cerrado e o avistamento de fauna silvestre tem aumentado nos últimos anos. A nossa rica biodiversidade, ou seja, as várias formas de vida, tanto vegetal quanto animal compõe a riqueza da nossa região e precisam ser preservadas, pois cada ser vivo exerce uma função importante para o equilíbrio dos ecossistemas. As matas ciliares dos nossos rios e córregos formam verdadeiros corredores ecológicos que abrigam a fauna, bem como as ações de restauração das matas favorecem o aparecimento de várias espécies animais, desde os peixes nativos da bacia do Rio Lençóis, anfíbios, répteis, aves e mamíferos.

Em caso de animais silvestres em situação de risco, pois muitos têm habitado a área urbana invadindo as residências, ou animais em risco de atropelamentos em rodovias e para a salvaguarda desses animais, basta entrar em contato com os bombeiros pelo número 193.

 

Comentários

 

notícias relacionadas

Tags: migratória, avistada, lago, prata.

newsletter

2014 © Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista
Praça das Palmeiras, 55 - Centro: 18.682-900
CNPJ: 46.200.846/0001-76
Telefone: (14) 3269-7000

voltar ao topo